Encontra-se aqui :Página de abertura do sítio > Charte du vin
A Carta do Vinho
A Carta do Vinho

A elaboração de um código comum deontológico foi uma das primeiras

tarefas de grande envergadura levadas a cabo pela AREV: as Regiões vitícolas

impõem a sua própria disciplina, onde o eixo principal é o melhoramento da

qualidade pela autenticidade, ou seja, a defesa e promoção dos vinhos de

origem.

Adoptada por unanimidade em 1991 pela Assembleia das Regiões

Vitícolas Europeias, esta Carta constitui o documento de referência, tanto

para as instituições oficiais como para os actores económicos e

consumidores, relembrando os pontos essenciais da ética da Europa em

matéria de viticultura e do vinho.


Defesa e promoção:

- das denominações de origem

- da qualidade e autenticidade dos vinhos

- dos direitos dos consumidores

- da imagem cultural do vinho

Word - 53 kb
A Carta do Vinho